domingo, 31 de agosto de 2008

Olha, já tivemos 100 mil visitas

Foto: SH

É SABIDO que a blogosfera está carregada de análises políticas GENIAIS. Sabemos também que há na "rede" circunspectos artigos que nem os nossos melhores jornais de referência mereceriam publicar. Confesso, nem sempre me parecem a melhor companhia.
No fim de semana e, na ressaca de um Benfica-Porto cheio de dores e estiramentos, arranjei forças para três ou quatro blogo-voltas. Tenho um lema: chatices não! Findas as voltas, aqui estão umas preciosidades pelas quais levanto com prazer o meu copo de tinto.

O regresso ao tropicalismo de Roberto Carlos, por sugestão do Armando Rocheteau.

Uma foto de mar salgado postada pela Madalena Palma e que me atrevi a publicar acima: “... E segreda-me todas as histórias sem fim.

A musical hermenêutica do mês de Agosto feita pelo Taxi Pluvioso: “Agosto é sinónimo de Portugal. Não só pela lazeira de nada fazer, na beach ou na night, mas porque acontecem coisas maravilhosas, coisas solares.”

Um post do insone Helder Guégués a dizer que Margarida Rebelo Pinto, quando jovem, não era “boa aluna, inteligente e comunicadora”, mas sim “boa aluna, inteligente e comunicativa”. Do erro está inocente a Margarida, vítima de radiofónico deslize da Antena 1.
Foi com voltas destas e por causa destas voltas que a Geração de 60 atingiu hoje as 100 mil visitas. Agradecemos a quem nos obsequiou com tão redondo número. Esperamos que se tenham divertido. Sejam exigentes, "Chatices, não! ", nem sequer as desta Geração.

4 comentários:

Madalena disse...

Muitos parabéns e obrigada pelo destaque no post :-)

Armando Rocheteau disse...

Parabéns.
Agradeço-te a referência.
Fico à espera de de uma aberta para conversarmos e bebermos um tinto.

Anónimo disse...

Quase tudo verdade, excepto que não se tratava da Margarida escritora, mas sim da Margarida Pinto Correia. Peço desculpa aos leitores. Entretanto, já corrigi no meu blogue.
Cordialmente,
Helder Guégués

Sofia Galvão disse...

O que não está certo, em rigor, é a celebração das 100 mil visitas... Certo, certo seria festejar as 100 mil visitas CONTADAS! Porque aquele counterzinho ao fundo só apareceu alguns meses depois de termos começado a postar por aqui.
Portanto, Manel, acho que mais dia menos dia, estamos nas 200 mil. Podemos é, como já aconteceu a outros, não saber quando...