terça-feira, 1 de julho de 2008

Brincadeirinha

1- Ontem num jornal desportivo. Qualquer coisa como: O Benfica, qualquer coisa, para CORPORIZAR, qualquer coisa, para implementar, qualquer coisa. Duas páginas à frente, as medidas de Miccoli: 1,68m para 66 kg. Está corporizado.

2 - O Ministro da Administração Interna mostrou-se veemente, que íam efectuar diligências, que íam tomar medidas, que íam fazer investigações, que íam colocar os meios necessários, que a autoridade íria agir. Fiquei satisfeita por saber que há disso tudo em Portugal.

3 - Pergunta para passar a Teoria Geral do Direito Civil "- Diga lá quais as diferenças entre nulidade e anulabilidade?" " - São quatro, Senhor Professor: A nulidade não produz efeitos jurídicos, pode ser arguida a todo o tempo, por qualquer interessado e é de conhecimento oficioso." "- Exemplos...", " - Agora não, Senhor Professor, que a anulabilidade é capaz de se ofender..."

2 comentários:

totodasbersas disse...

Gostei dessa ó Sofia.
É que isso de postagens demasiado académicas, aparentemente culturais, até dá a impressão que este grupo do G60 acabou o curso na semana passada!... Aproveitem o que apreenderam e toca a puxar por essa cabeçinha. Com as palavras simples pode montar-se uma teia de cultura, um enredo que dá que pensar. Com frases feitas, escertos de livros, de palavras ditos mesmo que seja por grandes Pensadores (filósofos, que geralmente eram uma espécie de autistas obsecados pela sua razão, que era na verdade uma razão natural, universal, mas que eles patentearam). Afinal quando alguém se descuida até acaba por ser normal!
gostei dessa observação sobre o Miccoli.

Manuel S. Fonseca disse...

É engraçado, meu caro totodasbersas, eu também gostei da observação da Sofia ao Miccoli - chateia-me um bocadinho o inuendo (desculpe) ao Benfica, mas o facto de com 1,68 m ele corporizar, compensa e deixa-me satisfeito.
O que é engraçado é que achei que o seu comentário não é tão galante como julga que é com o excelente post da Sofia, o que, por falta de cabecinha (minha), não lhe consigo explicar com palavras simples. Mas como vi que é de Lamego, de beirão para beirão, ficamos assim, sem mais filosofias e ademanes.