quarta-feira, 23 de abril de 2008

Paisagens que contam histórias

Num comentário ao meu post sobre Dubrovnik o Manuel S: Fonseca reivindica para o cinema a capacidade de nos oferecer paisagens mais belas que a vida pode oferecer. Claro que eu, jurista que sou, já me tinha precavido limitando-me a dizer que se tratava de uma paisagem que o cinema não podia imitar (o que é diferente de superar…). No entanto, com o intuito claro que provocar o Manuel Fonseca a nos mostrar algumas dessas paisagens pensei em enviar uns exemplos de panorâmicas no cinema. Para mim o que diferencia a paisagem no cinema da paisagem "no buraco da muralha" é a associação narrativa. Eu Dubrovnik eu limitava-me a olhar. Estas paisagens que seguem contam-me uma história. No cinema a paisagem não é estética mas narrativa. Escolhi alguns dos meus openings shots panorâmicos favoritos que me vieram à cabeça, escolhidos pela capacidade que têm de nos oferecer toda a atmosfera do filme que se segue. Confesso que há dois (talvez os que mais gostaria de vos mostrar) que não consegui encontrar na net… A sequência inicial (penso que filmada em helicóptero) do Psycho (que nos transporta da cidade à intimidade) e um plano panorâmico em sentido contrário ao do olhar do Polanski (que, inconscientemente, nos coloca em tensão para o thriller que se segue). Mas os três exemplos que se seguem são bons se bem que, tenho a certeza, o Manuel é capaz de encontrar muitos e melhores exemplos (isto é um pedido!!).
Primeiro exemplo: Barry Lindon
O segundo exemplo é a panoramica sobre as ruas de Berlin num dos planos iniciais do filme de Wenders Os Anjos sobre Berlin.

O terceiro é Blade Runner:

6 comentários:

F. Penim Redondo disse...

WuvldCaro Miguel, vou meter uma colherada "à fotografo".

Penso que a principal diferença é que as paisagens do cinema são informação tratada. Tal como na fotografia o enquadramento, mesmo que não se faça mais nada, constitui um tratamento da informação que resulta numa forma de conhecimento produzida por quem capta.
Nesse sentido é narrativa e, em minha opinião, pode também ter valor estético, porque não ?

O olhar não enquadra e não trata, isso creio que é tarefa da mente.
A mente produz o seu próprio filme.

Quando o olhar incide sobre um filme está a recolher informação já tratada por outra mente.

O que é mais belo ? depende do realizador e do espectador, caso a caso.
O espectador pode ter feito mentalmente, num dado local, um filme mais belo do que um dado realizador.
Pagamos o bilhete para ver locais que nunca "filmámos" ou que queremos ver através de outra mente.

Manuel S. Fonseca disse...

Olá Miguel,
Resposta telegráfica: até 2ª vou ficar fora de combate, mas tenho muito gosto em aceitar o seu repto, mesmo que não acompanhe a sua certeza de que eu escolha "melhor". Mas tenho as minhas idiossincráticas escolhas. Da abertura do "The Searchers" do Ford, ao plano sequência com que Welles abre o "Touch of Evil". E há uma poética de alguns lugares que só existe porque o cinema a "inventou".
Agora, verdade, verdadinha, o meu comentário ao seu post de Drubovnik era inveja pura e dura. Um velho pecado mortal que hoje é só uma banal venialidade. Abraço

sofia rocha disse...

As cenas inicias do leopardo de Visconti. Da terra e da casa cor de tijolo e terra até ao interior azul da capela onde se reza o terço em latim. ( E depois o filme todo).

Miguel Poiares Maduro disse...

Caro Fernando,
Point taken! É a "edição" do olhar mas essa também pode ser guiada pela estética. É uma estética "trabalhada" ou "construída" mas isso não é uma qualificação pejorativa bem pelo contrário.
Caros Manuel e Sofia,
Confesso que não conheço o plano do The Searchers do Ford (penso que nem sequer vi o filme) mas irei procurar. Quanto ao do Visconti vou reavivar a memória esta noite. Já o plano sequência inicial de Touch of Evil também faria parte da minha selecção (o Orson Wells era um mestre em planos desse tipo e em colocar-nos "in the right state of mind" nas primeiras cenas). Mas já que falaram de planos sequência, na minha opinião talvez o mais fantástico seja aquele em que todo o filme é um só plano sequência. E não me refiro à Corda do Hitchcook (penso que o primeiro a fazer isso embora tenha ouvido dizer que há uma ligeira interrupção: tiveram de mudar de bobine…) mas sim ao belíssimo Russian Ark de Sokurov (aconselho vivamente: o filme, é sobretudo uma declaração de amor ao Hermitage). E há vários exemplos esplêndidos do Antonioni e do grego Theo Angelopoulos (confesso que me recordo mais deste pelos planos sequência do que pelos filmes em si!). E o recente Atonment também tem um belo plano sequência (do meu ponto de vista não chega para fazer deste um grande filme e é um plano até algo pretensioso). And on and on…

TS disse...

Estávamos a falar de paisagens: aos que nunca viram essa paisagem imaginária das imagens iniciais (e de todo o filme, de resto) do "Blade Runner" na escuridão do cinema, num grande ecran, não percam a oportunidade. Ontem voltei a ver essa paisagem e dei-me conta de como o cinema se perde nos DVD's vistos nos plasmas e televisões das nossas salas mais ou menos iluminadas! Quantos pormenores já esquecidos, apesar do entusiasmo do acompanhamento das diversas versões, e de que só tomamos consciência na sala escura...

washington house disse...

black mold exposureblack mold symptoms of exposurewrought iron garden gatesiron garden gates find them herefine thin hair hairstylessearch hair styles for fine thin hairnight vision binocularsbuy night vision binocularslipitor reactionslipitor allergic reactionsluxury beach resort in the philippines

afordable beach resorts in the philippineshomeopathy for eczema.baby eczema.save big with great mineral makeup bargainsmineral makeup wholesalersprodam iphone Apple prodam iphone prahacect iphone manualmanual for P 168 iphonefero 52 binocularsnight vision Fero 52 binocularsThe best night vision binoculars here

night vision binoculars bargainsfree photo albums computer programsfree software to make photo albumsfree tax formsprintable tax forms for free craftmatic air bedcraftmatic air bed adjustable info hereboyd air bedboyd night air bed lowest pricefind air beds in wisconsinbest air beds in wisconsincloud air beds

best cloud inflatable air bedssealy air beds portableportables air bedsrv luggage racksaluminum made rv luggage racksair bed raisedbest form raised air bedsbed air informercialsbest informercials bed airmattress sized air beds

bestair bed mattress antique doorknobsantique doorknob identification tipsdvd player troubleshootingtroubleshooting with the dvd playerflat panel television lcd vs plasmaflat panel lcd television versus plasma pic the bestadjustable bed air foam The best bed air foam

hoof prints antique equestrian printsantique hoof prints equestrian printsBuy air bedadjustablebuy the best adjustable air bedsair beds canadian storesCanadian stores for air beds

migraine causemigraine treatments floridaflorida headache clinicdrying dessicantair drying dessicantdessicant air dryerpediatric asthmaasthma specialistasthma children specialistcarpet cleaning dallas txcarpet cleaners dallascarpet cleaning dallas

vero beach vacationvero beach vacationsbeach vacation homes veroms beach vacationsms beach vacationms beach condosmaui beach vacationmaui beach vacationsmaui beach clubbeach vacationsyour beach vacationscheap beach vacations

bob hairstylebob haircutsbob layeredpob hairstylebobbedclassic bobCare for Curly HairTips for Curly Haircurly hair12r 22.5 best pricetires truck bustires 12r 22.5

washington new housenew house houstonnew house san antonionew house venturanew houston house houston house txstains removal dyestains removal clothesstains removalteeth whiteningteeth whiteningbright teeth

jennifer grey nosejennifer nose jobscalebrities nose jobsWomen with Big NosesWomen hairstylesBig Nose Women, hairstyles