quinta-feira, 7 de abril de 2011

Topo de Gama!

«É caso para o Presidente da Assembleia da República dizer ao Deputado Jaime Gama: Senhor Deputado, terminou o seu tempo». Foi assim que, esta semana, Jaime Gama se despediu da Assembleia da República como Presidente e como Deputado. Custa-me aceitar que este «peixe de águas profundas», como um dia o definiu Mário Soares, saia da cena política. O tempo de Jaime Gama não acabou porque não começou. As suas capacidades políticas e pessoais são de primeira linha mas o casuísmo da partidocracia, mal casado com a oportunidade mediática, nunca o apurou para o topo. Na única vez que Jaime Gama se perfilou para a liderança do PS desistiu por ponderáveis razões familiares. Portugal perde com este desencontro. Por enquanto. Porque o seu tempo não terminou.

5 comentários:

Tiago Couto disse...

Queres ter mais visitas no teu blog? Queres torna-lo ainda mais conhecido? Então o que esperas? Gasta 1 minuto do teu tempo e arrisca-te a ganhar uma semana de promoção do teu blog!

Visita http://palavrasdechocolate.blogspot.com/2011/04/luis-o-senhor-dos-narizes.html e participa no concurso lançado vais ver que não te vais arrepender!

Táxi Pluvioso disse...

Este já cumpriu o seu dever de afundar o país, que dê lugar a outro.

maria lisboa...... disse...

Faria melhor trabalho que Cavaco. O pior PR ( mesmo contando com o horribilis Sampaius )que jamais tivemos desde 1910.

Carlos Pires disse...

Tendo em conta que Guterres continua - felizmente - "queimado", ele será um candidato presidencial de esquerda mais plausível que outros.

Seja como for, Assunção Esteves vai fazer melhor que ele.

Inez Dentinho disse...

Jaime Gama, Luís Amado e o bonzinho Guterres são possibilidades. Mas ainda sairá da toca Sócrates, qual Fénix renascida, para ensombrar a sorte do porreiro, pá.