segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Jogo de Azar?


Aparentemente, na semana passada duas pessoas ganharam (ou julgavam ter ganho) dois prémios de quatro milhões de euros nas slot machines do casino de Lisboa. Esta semana os jornais anunciaram que, de acordo com o casino e a Inspecção de Jogos, tudo não passou de uma falha técnica no sistema central de computadores sendo o "prémio verdadeiro" de apenas 20 euros… A justificação avançada é que os prémios que sairam eram imprevisíveis...
Mas afinal se a máquina avariou isso não é "apenas" um azar do casino? E o imprevisto não é o essencial de um jogo de azar? Ou será que afinal os casinos sabem sempre o risco que correm? Se sim, onde é que vão parar a sorte e o azar?

3 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Cheguei aqui via Francisco Seixas da Costa, meu excelente Amigo. Gostaria de continuar as visitas cuja primeira é esta.

Não há lista de Seguidores. Mas no meu covil há. Vá lá, sil us plau (sff em català vernáculo), veja quem eu sou, inscreva-se e poste cumentários, com o hahahahahahaha
Abs

NB- E, se lhe não der muita chatice, diga aos seus Amigos e Correspondentes que terei muito prazer em também os receber.

'Brigado

Abs

Sofia Rocha disse...

Vai-me desculpar, é só impressão minha, ou temos aqui caso para pôr qualquer civilista que se preze,a explanar sobre a teoria do negócio jurídico, da responsabilidade, etc e tal?

Anónimo disse...

Isto não é inédito: já saiu também o euromilhões a Portugal, quando entravam város milhões por dia da CEE, no entanto foram poucos os que, em muitos casos, corrupta e impunemente seapropriaram das cautelas premiadas...As facturas do reverso dessa medalha da integração, essas, estão por pagar pelo Zé da Lanterna (Mágica)do "piolhoso e peneirento Bordalo".

Com os melhores cumpts.,
CCInez