domingo, 10 de agosto de 2008

A benfiquização da nossa participação olímpica

Com este post é que o Manuel não estará de acordo de certeza…:
Podem ler aqui a consequência das recentes "aquisições" benfiquistas de algumas das nossas esperanças olímpicas: foram transformados em estrelas ainda antes de ganharem alguma coisa e tendo perdido a culpa é dos árbitros…
Prefiro o meu modelo sportinguista que encontra sempre um motivo de esperança no fracasso! .

4 comentários:

Manuel S. Fonseca disse...

Miguel, protesto com veemência e fique ciente de que os meus advogados falarão com os seus. Urgentemente.
Para sua informação: só há um modelo benfiquista. O da glória. Bate certo com o Olimpo, não bate?!
As jeremíadas de que fala parecem-me assunto de animais de sangue frio. Dos que se aquecem ao sol nas pedras.

Sofia Rocha disse...

Miguel, pois o que me preocupa, é a ausência de uma política, de uma estratégia, nacional para os jogos olímpicos.
Vivemos de fogachos, de atletas que contra todas as probabilidades, vão fazendo uns resultados aqui e além. Sugiro que se comparem as medalhas obtidas por Portugal e Espanha nos últimos jogos olímpicos...
Só a talho de foice relembro o caso da pista de atletismo da Alta de Lisboa, que leva o nome do Prof. Moniz Pereira - o ponto de partida ninguém sequer é audível por ficar em "cima" do eixo norte- sul...

Horácio disse...

Se a Vanessa Fernandes ganhar será aclamada como a atleta do benfica se perder será a atleta Portuguesa. É sempre necessário lembrar que Julho e Agosto são por definição os únicos meses de glória do “glorioso (?) ” e, como tal, o Aimar já “deixa água na boca” ...

Luís Bonifácio disse...

Que culpa temos nós do Sporting ter dado apenas uma "Caminha". ao seu "atleta"
Que lhe tivesse dado um peso, como o Benfica deu uma pista de saltos só para Évora treinar.